6.10.11

O Paraiso


Expectativas são mais perigosas do que da pra imaginar. Em geral a gente só costuma pensar no quão prejudicial ela pode ser quando estamos falando em relacionamento, certo??? Quando esperamos tudo de alguém e nos frustramos por esse alguém estar fora do quadradinho de ideais que criamos para ele... Mas a realidade é que tudo isso é muito mais sério .. A gente cria expectativa pra tudo... Ideal de relacionamentos, de família, de vida... Sempre ideais, sempre aquilo que vive no campo das ideias, onde não existem defeitos ou problemas.

Assim a vida segue nos dando formulas prontas de exito e nego acha que rumar na direção delas é fazer um contrato com a felicidade... É o casamento, são os filhos, o bom trabalho... E quando depois de um tempo de formado vc se pega numa quinta nublada sozinho na sua sala e pensa “putz, já deu...” ???? Ou quando vc espera por uma criança e cria todo um plano e um ideal e de repente... Ops.. Ele é down... "Nunca vou ter uma família de comercial de margarina." ???

Não sabemos lidar com a frustração.. Ng sabe, alguns lidam muito mal, mas bem ng lida... Vivemos numa sociedade onde tristeza é sinal de fracasso como se alguém na vida, por mais bem sucedida que seja, nunca se sentisse infeliz.

Criamos paraísos, situações redentoras... E ai apostamos que a soluções estão nelas... Daí ficamos nessa.. Quando eu namorar vai ser diferente, quando Deus voltar vai ser diferente, numa sociedade socialista vai ser diferente... Perspectivas distintas, mas com funcionamentos tão iguais... Quem haveria de dizer que no final da historia a católica fervorosa, a solteirona e o comunista roxo só buscavam o paraíso??? Buscam os seus próprios paraísos e vão viver a espera de um milagre que nunca vai acontecer, pk mesmo que alcance, não vai ser da maneira fantasiosa que eles esperavam... Seguem como os personagens de caverna do dragão, condenados a eterna busca de uma saída que na verdade nunca vai chegar. Seguindo essa onda não enxergam o óbvio e o óbvio é que a felicidade é de dentro pra fora e não de fora pra dentro, os modelos perfeitos que nos vendem não nos sondam antes de serem formados.

Dia desses um amigo falava da sua vontade de um dia estarmos numa grande mesa em família, com o calor que só família pode proporcionar e divagava sobre o quão basal é a família. Achei engraçado por que na verdade esse não é o referencial de família dele... Por que no fundo ele sempre foi o preterido, o desvalorizado e ainda sim enxerga a família como a grande base de bla´blá blá... Nego não o deixava dormir até as 02:00 fazendo barulho qdo tinha que trabalhar as 06:00, impossibilitou que fizesse uma cirurgia no qual deveria ter um acompanhante faltando a mesma, Não se preocupava se ele comia ou bebia, jogavam tudo na sua cara... CAGARAM PRA ELE DIVERSAS VEZES... E ainda sim família é à base de tudo... A dele??? Não!!! Se referia aquela que o padre pregou, que o Maneco mostrou e que a vida providenciou pra que viesse diferente...

Não que seja impossível de ser uma experiência positiva... Da pra ser bom, só não da pra ser o paraíso.

12 comentários:

  1. É complicado isso de lidar com expectativas. Eu tento ao máximo não pensar nas coisas antes de executá-las para não criá-las, mas na prática é muito difícil.

    Sim. É difícil lidar com as coisas que saem do plano, mas se é difícil, quer dizer que é possível. Um exemplo? Ontem eu descobri que o mestrado que eu ia tentar no início do ano, já com projeto na mão e orientador, fechou. Ontem eu não conseguia sequer falar, pra não perder ainda mais a paciência e matar alguém. Fui dormir as 17h da tarde. Hoje já to mais calmo, mas cadê chão?

    É complicado, sabe?

    ResponderExcluir
  2. definitivamente paraíso não existe ... exatamente pelo q vc tão bem analisou ... a felicidade é sempre a que imaginamos nunca a real ... a vida é real e não pode ser vivida em cima de expectativas pois nos frustraremos sempre ... ou buscamos viver o real e ver nele as possibilidades de felicidade ou nos danamos ... parabéns doutor ... primorosa a sua análise ...

    ResponderExcluir
  3. Nops, totalmente acidental. Foi a foto que ficou melhor esses ultimos dias, e eu decidi que não ia ser uma plaquinha de banheiro feminino que ia me impedir de utilizar essa foto.

    Bom, não tenho mais escolhar. Vai ter que ficar pro ano que vem mesmo... mas é que eu já estava planejando minha vida toda pra conseguir entrar já no início desse ano, sabe? E não da tempo de procurar outro orientador, fazer outro projeto, estudar outros livros...

    ResponderExcluir
  4. Mas tô impressionado. Porrãn, olho biônico pra enxergar esse detalhe numa foto desse tamanho ahauahauahauh

    ResponderExcluir
  5. Olha...

    Tenho um poema de Ricardo Reis, um dos pseudônimos de Fernando Pessoa, que diz o seguinte:
    "Aos que a felicidade
    É sol, virá a noite.
    Mas ao que nada ´spera
    Tudo que vem é grato"


    No caso de seu amigo, acho que há um outro porém... o ideal dele de família, parece ser absolutamente heterossexista, o que, se for gay, é uma cilada...

    Já que as formas de relacionamentos que aprendemos, não nos servem, temos o ônus de buscar aquelas que nos servirão. Não dá pra vestir roupas que não nos cabem...

    ResponderExcluir
  6. O paraíso é pura abstração. Invençao nossa de cada dia e cá pra nós... hipervalorizado... hehe! Diz que bacana mesmo é curtir uns dias no inferno... hahahaha! E família tem disso, nzé??! Bandodecapetasamados! Bjundas!

    E não só vou ao (teu) casamento como quero ser padrinho... e olha que dou bons presentes, visse??!

    ResponderExcluir
  7. " Venha prestigiar o novo autor no CLUBE DOS NOVOS AUTORES;
    para participar do sorteio dos livros, basta seguir o blog e comentar;
    quanto mais você comentar, mais chances tem de ganhar!"
    Obrigada por seguir-nos!
    Evanir
    Relações Públicas
    do CLUBE DOS NOVOS AUTORES
    http://clubnovosautores.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Nossa!! Super concordo com tudo isso. Tava pensando fazer um post parecido, mas vc foi magistralmente melhor na sua colocação... Beijos!!

    ResponderExcluir
  9. Valeu, Gatôncio! Mega-findi pro'cê! Bjundas!

    ResponderExcluir
  10. ah, Gato, se depender de Deus eu tow fudido, meu caro! e que fique claro, eu não cheguei a conclusão de q ninguém é capaz de gostar de mim por causa do Anjo do último post, ele só confirmou o que eu sei por causa de todas as outras centenas de homens ( sim, foram centenas) q foram completamente incapazes de demonstrar um pouco de amor que fosse por mim...

    ResponderExcluir