31.5.10

Sonhando com a blogsfera (nerd mesmo)




Sonhei que tinha dois blogueiros novos na blogsfera, um eu n lembro nada o outro tinha na foto aquele peixe que o povo sempre tattoa. E ai como eles sempre me acompanhavam fiz um post com o título thanks, onde eu agradecia pela presença e pelo reconhecimento de meu trabalho. Depois eu ia no blog da mulher asterisco e tinha um post comentando sobre os novos blogueiros e falando de uma suposta ironia gratuita.. O post se referia a um comentário que eles fizeram no meu post E tinha como título: Réu. Ai eu voltei no meu blog e estavam os dois me gongando, o primeiro um pouco mais serio e o segundo bem irônico dentre as coisas que dizia era que não havia reconhecimento de que trabalho algum, haja visto que blog não era trabalho e que a guerra do Iraque (?) deve ter parado para que o mundo ficasse mais silencioso e eu pudesse postar tb. Agora vem a parte mais doida, eu queria fazer um post pra me defender e estava no terraço de um prédio, chovia bastante e o meu post eu tava fazendo a mão (aloka), como a folha molhava toda eu não conseguia escrever e ficava puto por isso.


Então queria agradecer a Big Mother, Mulher Asterisco, por ter me defendido dos implicantes no meu sonho, ela é tão super-heroína e defensora dos frascos e comprimidos que defende a gente até em sonho. .



30.5.10

Backstreet Gays - O Lado Bom De Ser Gay

Acho que meu blog, tal como era a proposta inicial, volta a ser um blog de temática gay... Não sei se alguém não gosta da ideia, mas gente... Esse eu não podia deixar passar...

Há quem diga tb que eu tenho colocando muitos vídeos e o pobre do Wans sempre tem de passar depois, mas é por que tem valido a pena.

O vídeo feito pelo pessoal da MTV é um sátira ótima, mais que uma piadinha escrota feita de fora pra dentro, ele é carregado de uma critica interna muito bem feita, vale a pena conferir.

29.5.10

Luan Santana é flagrado e blá blá blá (preguiça)


[clique para ampliar]

E foi hoje que nosso amigo, blogueiro Well Bernard me passou o link que mostra ng menos que o novo astro sertanejo Luan Santana numa conversa que denunciaria sua homoafetividade.


Eu tenho uma pena dessa gente... Como diria Caetano Veloso: “Todo mundo quer saber com quem você se deita, nada pode prosperar”. Ele Justin Bieber, Junior Lima.. Ahhhh e se for??? Que se foda, mas que desocupação... Lembrei de uma entrevista da Sonia Braga onde ela é questionada se é Bi e diz que não iria responder essa pergunta que tem como único intuito formar rótulo e gerar preconceitos tolos.


Pra mim o print é fraude, n que eu ache impossível que o gajo seja chegado para cá, mas é por que é algo muito fácil de forjar mesmo... De mais a mais, o rapazinho nascido na era digital, em tempos de felina, deve muito bem saber dos riscos de declarações desse quilate na net para um desconhecido. No dialogo claramente que ele nunca tinha visto o menino, achou ele onde? Na UOL??? Luan Santana faz pegação na UOL??? Ainda colocando o carão dele na reta??? Ahh Faz favor, hein... O Sam do Close, a gente até sabe, mas o Luan Santana acho meio complicado, ainda mais deixando combinadinho uns pegas para depois do show... Só faltou tratar atrás do palco.


No trecho da conversa ele fala de um determinado show que bate com o local que ele estava na data em questão, o que me leva a crer mais uma vez que é forjado. Botaram a parte onde caso alguém resolva investigar encontrará alguma comprovação.


Acho que quem fez queria ter uma mentirinha comentada no Ego, mas no máximo vai ficar aqui pelo Yag mesmo, sendo gongado ainda por cima. Por que a única verdade certa dessa imagem é que um dia Luan Santana esteve na frente de uma Web Cam.


Para comprovar que era “forjavel”, fiz uma montagem com imagens do Well com o nosso Cielo pegador. Agora vamos imaginar se esse José Mayer virtual cai nas blogsfera, como iria expor nossos belos blogueiros... Algumas conversas possíveis.


Com a Vaca Jersey


[Clique para ampliar]


Com o Lobo Cizento


[Clique para ampliar]


Com o Caju

[Clique para ampliar]


É.. pensando bem.. Olhando essa cara de peido de repente ele estava vendo Luan Santana mesmo.

27.5.10

O pensamento tem poder




Eu nunca neguei q sou sugestionável... Sou mesmo, assumido...

Ainda mais com isso, minha historia com Pastel Chinês é antiga... Eu sempre adorei o estabelecimento... Comida saborosíssima com preço acessível além de ser uma experiência liguistica/antropolôgica. Os conflitos começaram com as reportagens do Gugu acompanhando a vigilancia sanitaria em São Paulo, qdo ele realmente não tinha mais pra onde apelar. Nas reportagens uma repórter passional se chocava, fazendo vomito, caras e bocas ao encontrar ratos, cobras e lagartos no estabelecimento dos nossos amigos orientais. Na ocasião eu não tinha noção da rede e achava que o pastel da minha cidade nada tinha a ver com o da capital Paulista. Mas a questão é muito maior, além de ser uma grande rede estamos falando de um comportamento culturalmente porco. Eu sei o que vocês vão dizer sobre cultura e diferenças e blá blá blá... Porém o fato é que partindo do meu referencial de higiene me parece uma cultura porca. Na verdade acho até que do referencial deles, um amigo que faz Chinês numa determinada ocasião pediu para que a professora ensinasse a escrever higiene e aplicasse numa frase e ela, que era chinesa, escreveu: "A comida Chinesa não é feita com Higiene". Enfim... Comida chinesa nunca mais.

Não que o fato da vigilância sanitária da minha cidade ter encontrado um cachorro no congelador deles seja um problema pra mim. Não me importo com essas extravagancias gastronómicas. Sendo o bichinho bem tratado que mal tem??? Qual a diferença entre comer um cachorro, um boi, ou um porco??? Nem ligo... Sempre fui da filosofia do "o que não mata engorda", mas vamos tentar manter o mínimo da dignidade presente na premissa.

Meus problemas começaram quando um amigo - próximo, hein... Não é primo do amigo, do amigo da vizinha - ao entrar no mulambento estabelecimento pediu um pastel e o simpático funcionário, que estava torcendo um pano de chão no balde, veio com suas mãozinhas cheias de bactérias, pegou um guardanapo e o serviu (pausa para reflexão)...

Agora vocês pode imaginar o que acontece pelas costas???? Não??? Eu conto..

Uma ex-estagiaria tinha um amigo que tinha uma clínica de fisioterapia do lado de um dos pasteis. Era um sobrado e lá de cima ele podia ver os fundos... O que tinha nos fundos??? Armadilha de pegar pombo... Puta que pariu... Cachorro lá vai, mas pombo não, caralho... Daki a pouco tão servindo rato... Entre um cachorro e um boi meus anti-corpos suportam, agora frango e pombo nem rola....

Desde então, tal como Scarlett Ohara em "o vento levou" jurei tendo Deus como testemunha que nunca mais nem eu, nem ng da minha família, iria comer no Pastel Chinês. E bravamente lutei por essa causa... Se eu fosse passar um ano na China nem no MC Donald's comia, ia levar um container de marmita, mas não comia...

E por que de toda essa historia??? Bem.. Como trabalho em outra cidade, acordo bem cedo nas quintas e por isso deixo tudo pronto na quarta a noite, inclusive meu café... Mas ontem vendo "Um Contra Cem", "SBT repórter"e outras cocitas a mas, acabei não fazendo. Acordei atrasado, não consegui comprar nem um Toddy.. Entrei no Bus, cheguei meio que em cima e correndo pro trabalho vi o único estabelecimento aberto que poderia comer algo.... E sim... Eu quebrei minha promessa... Eu fui no China... Pedi um caldo de cana, gente.. Um caldo de cana e uma esfiha de carne...

Eu fui verde para o trabalho, lembrando de todas essas historias. Se o menininho do "sexto sentido" vê gente morta eu vi morta, verde, em pó, liquefeita... Eu vi de tudo qto é jeito... Cheguei azul marinho de bolinhas vermelhas no trabalho e fui atender... Com 15 minutos distraído com meu atendimento eu estava ótimo, nada tinha acontecido... E com essa experiência psicogastronômica aprendi que bactéria até mata, mas teu cérebro te leva pro inferno.

Será que ele é?

Em 18/05 do ano passado fiz um post intitulado “você é gay?” onde digo acreditar que um dos maiores complicadores na luta homossexual começa na necessidade do individuo se entender enquanto homossexual e finalmente pertencente de uma categoria. Na ocasião dei alguns exemplos que poderiam parecer confusos para uma rotulação segura. Dentre eles falei sobre Alexandre Senna um ator de filme pornô, heterossexual, casado, pai de dois filhos que só faz filmes homossexuais. A esposa prefere assim, por saber que aquilo não causa prazer pra ele. Alexandre que tem um dote de 13cms, só faz passivo, já foi penetrado por mais de 500 homens no decorrer de sua carreira, fez dupla penetração (um de 24 e outro de 22cms), sentou num cone de transito até a metade.


E não é que ontem, curiosamente, o intrépido ator e sua esposa não deram uma entrevista pro SBT Repórter??? Gravei e editei, fazendo uma complicação com as falas do Alexandre. A qualidade não tá tão legal, mas da pra ver. Conheça um pouco mais do ator e de suas polêmicas colocações.



video

25.5.10

E por falar em Pânico...

No mesmo programa que exibia a Goreti, tb mostrou Serginho e Bicesar na marcha contra a homofobia. Tá... Eu até gosto do Pânico, até acho o Serginho e o Bicesar engraçadinhos, muito embora seja um humor preconceituoso e estigmatizante, mas porra... Já não basta a carnavalisação da parada, qdo aparece alguma coisa que tem a pretença de ser seria mais uma vez tem de ser vinculado de forma ridicularizada???? Vai na parada, que é um circo mesmo, agora ir na luta contra homofobia pra poder endossar a homofobia é cúmulo da falta de respeito.

Durante a exibição do programa mostraram um trecho onde houve desavença com alguns manifestantes que não aceitaram a brincadeira, hoje me mandaram via you tube um video de quase 10 minutos que mostra que o negocio foi feio. Sem compor seus personagens os artistas não pareciam nada à vontade na situação e suas tentativas de deboche foram frustrada por uma platéia enfurecida. Eu gostei do que vi, por que os babacas sempre vão existir na tentativa de transformar tudo numa grande babaquisse, o problema é quando eles são aplaudidos e esse não foi o caso. Conseguiram fazer a piada que quiseram através de uma boa edição, mas comeram um dobrado.

Haviam em torno de três mil pessoas, o que talvez não seja nem um 1% da parada, mas são nesses três mil que eu acredito, esse é o movimento que eu não vejo, que não tem visibilidade, mas que felizmente acontece. Um dos argumentos do Carioca pra um manifestante foi exatamente a divulgação, argumento esse usado pelos dirigentes da parada para que se permita toda escrotização feita pela mídia em cima do evento. Não.. Esse movimento não quer divulgação a qq preço e não quer sua imagem passada de qq forma. Podem até ser poucos, mas é importante que comprem essa briga e que existam enqto opção... Que sejam poucos, mas que não sejam um deles....


24.5.10

Meus 15 minutos de fama.

Eu só sei que recebo uma media de 60 visitas/dia no meu blog e de ontem pra hj acredito que tenha chegado a marca de mil, a última vez que vi estava em setecentos e tra lá lá... A contagem diária virou e qdo fui ver a de hj já passou de cem.



E tudo graças a que???


Aos prints com a tranformação de Paula Veludo, é claro... Pânico da TV proporcionou a ela belos cabelos, uma prótese dentaria, maquilagem e uma reforma. Pra mim proporcionou meus 15 minutos de fama blogueira.


Grazie!!!

Tranformação de Paula Veludo - Pânico na TV

Quem assiste o programa “Pânico na TV” acompanhou a saga pela transformação de Paula Veludo, no quadro “Goreti quer virar Gisele”. Apesar de gostar do pânico poderia passar algum tempo fazendo severas críticas ao programa, que diversas vezes permite que o bom humor ultrapasse a linha do bom senso, uma falha perigosa...

No quadro em questão eles pegaram uma mulher que sempre é chamada pra fazer quadros no Pânico por ser feia e atenderam o pedido dela por uma transformação.


Dessa vez não havia a intenção de pegar um estilo de programa e imitar de forma satirizada a fim de denunciar a exploração existente no quadro. Houve o desejo deliberado de explorar como faz o “10 anos mais jovens”, ou a Márcia Godshimitt.

Porém eles anunciaram que seria a maior transformação feita na televisão brasileira e fiquei curioso pelo resultado. O problema é que o Pânico costuma fazer as coisas meio que pelas coxas. A verba, que sempre dizem ser pouca, exige bastante da criatividade deles. Levaram a moça no Pitangui que garantiu que não precisava de nenhuma intervenção cirúrgica. Então, o programa simplesmente, vestiu, meteu um mega no cabelo, fez uma boa maquilagem e por fim colocou os dentes...

Não acredito que tenha sido a maior transformação da televisão brasileira, mas eu fiquei bobo como realmente, dentes fazem toda a diferença, como que intervenções simples podem de fato mudar. No palco Goreti passava a língua nos lábios e dentes repetidamente, ainda desacostumada com a nova condição. Emilio se esforçava para fazê-la chorar e entre uma fala emocionante e uma piadinha de mau gosto formava-se o circo em torno da moça. Dentre os comentários Emilio dizia que ela ganhou dignidade e recomendou que ela procurasse no Google... É um local onde o conceito deve ficar muito bem clarificado pra ele e isso explica bastante coisa.

Não... Ela não vai ser uma Paniquete, como eles insinuavam que poderia vir a se tornar... Sim... Ela realmente não vai poder mais trabalhar sendo “a feia” no Pânico. E a maior das verdades, o que pra eles foi muito menos do que de fato poderiam e insinuaram que fariam pra ela vai fazer toda a diferença.

Segue ai alguns Prints da Goreti transformada (Não em Gisele, mas transformada)...








OBS. Se você não viu o post a baixo, passa um olho e comenta??? Obrigado!!!

23.5.10

Alguém me responde, por favor.?

Eu já vi algumas coisas desses meninos mega-afeminados na net, que achei até graça, mas acho que aqui tá um pouco demais.




Alguém me fala alguma coisa por que eu até agora não consegui nem me colocar direito...


E qdo falar aproveita e me diz.. E ai.. Ng faz nada, cadê o conselho tutelar??? Não acontece nada com quem gravou esse vídeo?? E essa tia é cega?? É doida???? E ng bate na porta dela.. É como que é isso???? Alguém pode me explicar???


Grato!!!


OBS. Isso na mão das Rozagelas Justinnos e Silas Malafaias da vida é um prato cheio.

18.5.10

A partida...



Eu nunca me preocupei em ser bom, menos ainda em parecer... Na verdade o que sempre busquei foi ser justo e pra ser justo às vezes é preciso não ser bom. O problema é que ser ruim pode ser mais difícil do que parece, ainda mais quando é pra alguém que você gosta.

A trajetória da historia é rápida e meteórica.. Um belo dia conheço alguém, o interesse é imediato e recíproco. Muito embora pareça improvável pagamos pra ver e o encontro alcança todas as conotações que a palavra encontro pode alcançar. Fui cativado de cara e conquistado em doses homeopáticas, mas de repente surge uma oportunidade para que ele realize um sonho e ele abre mão desse sonho por mim e é aqui que mora a encrenca. Não acho justo, não quero que abra mão disso, não me sinto a vontade nesse lugar. Eu sei que é uma escolha dele e que não pedi nada, entendo as possíveis opiniões que receberei embasadas numa idéia de autogestão individualista que nos exime de todas as culpas com relação ao outro e virou uma espécie de filosofia da civilidade da contemporaneidade. “Se ele escolheu o problema é dele, nem que essa escolha tenha sido por mim” não combina com a forma que procedo e ainda que combinasse o fato de me isentar da responsabilidade por sua escolha não tira de mim o desejo de fazer o que puder para que quem eu gosto alcance seus objetivos e seja feliz mesmo que isso signifique se afastar de mim.

E ai como que a gente faz pra meter um stop numa historia que funciona, sabendo que as reais causas não vão ser aceitas??? Existem varias alternativas, as piores possíveis, aquelas que fazem alguém se sentir tão mal que deseje arrumar as malas e sumir pra um outro lugar... E infelizmente é exatamente isso que preciso despertar, abrindo mão do terrível medo que sentimos de ser odiados por quem amamos. É... Tah foda!!!

17.5.10

No show business nada se cria...

Uma breve comparação entre o novo clip da Christina Aguilera “Not Myself Tonight” e os Bad Romance e Telephone da Lady Gaga.


Em cima: Bad Romance

Em Baixo: Not Myself Tonight



Em cima: Bad Romance

Em Baixo: Not Myself Tonight




Em cima: Telephone

Em Baixo: Not Myself Tonight


Eu acho que copiar pode até ser valido desde que vc faça uma agradecimento no final ou qualquer coisa no sentido, por amor de D. Se Christina continuar fazendo a linha Roberto Carlos vai tomar um processo por plagio daqui a pouco.


16.5.10

A Homossexualidade e o oscar na década de 2000

Nesse final de semana assisti ao filme “Direito de Amar” que fez Colin Firth concorrer ao Oscar de melhor ator esse ano. Se trata acima de tudo de um filme contemplativo, com belas imagens em tom pastel e muito Slow motion. Achei o ritmo lento e por vezes até cansativo (pausei pra dormir no meio e terminei depois), mas com uma bela fotografia. A historia se passa na década de 60 e fala sobre um professor universitário que perde seu companheiro de 16 anos. A trama se faz no vazio da falta e na sua dificuldade de adaptação.



O filme me remeteu a outros de temática homosssexual que fizeram parte do oscar na última década. Um grupo considerável de filmes tratando homossexualidade e outros tendo personagens gays na historia passaram pela academia, em minha opinião, de forma benéfica e diversa.


O Segredo de Brokeback Mountain”, talvez tenha sido o de maior repercussão, colocando uma historia repleta de cenas de beijos, abraços e amassos gays na tela da globo, por exemplo, com amplo acesso para toda família brasileira. O filme ganhou prêmios importantes como o de melhor diretor e fez Heath Leadger concorrer de melhor ator.



Lembro que na ocasião fiquei triste por ele ter perdido, mas o que eu não sabia que nesse mesmo ano quem levou o premio foi Philip Seymour Hoffman por sua atuação em Capote, fazendo o papel exatamente de um homossexual numa atuação, que acredito ter sido, a melhor masculina da década. Hoffman encarna com perfeição o escritor americano Truman Capote, com trejeitos, gestos, caras e bocas. O filme mostra o envolvimento do autor com um assassino que está no corredor da morte e que ele se encontra algumas vezes na tentativa de escrever a sua historia.



O ano de 2006 parece ter sido o ano da pauta homossexual no oscar, além dos dois filmes citados acima também esteve concorrendo ao premio de melhor atriz Felicity Huffman por sua atuação no incrível Transamérica. A historia conta da exigência da psicóloga de um transexual de que ele procure e tente estabelecer relação com um filho que teve no passado para que autorize sua cirurgia. Esse reencontro é coberto de idas e vindas em uma bela historia.



Se Hoffman foi o melhor interpretação masculina da década com Capote, Charlize Theron foi sem dúvida a melhor atuação feminina em “Monster – Desejo Assassino”, com uma personagem lésbica. O filme, conta a historia da primeira psicopata mulher da historia dos EUA e é tão denso que sua homossexualidade passa praticamente batida.



Ano passado foi a vez de Sean Penn nos brindar com Milk, o ativista gay norte americano, que ganha vida na atuação de Penn, garantindo seu segundo Oscar como melhor ator concorrendo com alguns candidatos de peso. Além de sermos brindados com uma boa historia, também ganhamos um discurso bem positivo pela causa homossexual tanto do Seann como do Roteirista que também levou uma estatueta (você pode conferir os discursos aqui).



Os personagens foram os mais diversos (feios, bonitos, másculos, afeminados, pobres, ricos, homens, mulheres, transexuais) e os vieses também. Passamos pelo romance rasgados de Brokeback Mountain/ Direito de Amar, o ativismo político de Milk, o drama pessoal/familiar de Transamérica/Capote e tivemos em Monster algo que também acho muito importante, que é um filme com homossexuais sem ter a homossexualidade como tema central, sem a menor pretensa de falar em preconceito (e em menor escala talvez possamos observar o mesmo em Capote e Direito de Amar). Todos eles seriam insuficientes, como qualquer obra, na tentativa de dar conta da realidade, mas juntos criam um caleidoscópio diverso em formas e cores naquela que é a maior premiação cinematográfica do mundo.

14.5.10

Demais


Todos acham que eu falo demais
E que eu ando bebendo demais
Que essa vida agitada não serve pra nada
Andar por aí, bar em bar, bar em bar

Dizem até que ando rindo demais
E que conto anedotas demais
Que não largo o cigarro e dirijo o meu carro
Correndo, chegando no mesmo lugar

Ninguém sabe é que isso acontece por que
Vou passar minha vida esquecendo você
E a razão por que vivo esses dias banais
É porque ando triste, ando triste demais

E é por isso que eu falo demais
É por isso que eu bebo demais
E a razão porque vivo essa vida agitada demais
É porque meu amor por você é imenso
O meu amor por você é tão grande
É porque meu amor por você é enorme demais

Maysa - Demais

13.5.10

Meu romance blogueiro






Nunca havia falado sobre isso até então, mas não suporto carregar mais comigo toda essa angustia em silêncio... Terei de falar sobre o fim do meu caso com a Vaca Jersey. Sim... Nós tivemos um caso. Pra ser mais preciso eu tive um caso com ela.

Nos conhecemos na turbulenta 2009 quando ela ainda usava uma outra identidade, me encantei logo que a vi. Antes da metamorfose ainda atendia como ele e vivia recebendo mil gracejos, nunca imaginei que um dia teríamos algo. Foi uma relação tórrida e intensa... Eu o desejava com cada átomo do meu corpo, acordava suado no meio da madrugada, sentia calafrios constantes. Até que um dia aconteceu...

Discutíamos muitas vezes e em algumas vezes partíamos para agressão.. Mais eu do que ele, assumo. Por conta dos meus ciumes doentios passei a beber compulsivamente... Bebia com antidepressivos, fazia escândalos, rogava praga, xingava, tinha crise de choros compulsivas e fazíamos amor loucamente depois. A minha obsessão foi se tornando disforme, até que um dia abri a porta dos armários e estavam vazios... Não havia nada, nem ng... Só o vazio.. Eu o procurava pelas noites, buscava seu rosto em todos os cantos... Pedi ajuda de Mauri Boffil, ele é influente, conhece tantas pessoas, além de ser um grande entendedor de feitiçarias e afins... Os esforços foram inuteis... Passei dias em cima duma cama a espera de um telefonema, uma pista, um contato... Nada... Comecei a não sair mais de casa, me tranquei dentro de mim. Por insistencia, a única coisa que fazia era ir a casa de Paulo Braccini dias de quarta-feira a tarde, quando ouvíamos os seus vinis da Bethania e comíamos quitutes feito pelo Paulo. Era divertido -lo nu (Paulo só anda nu em casa) interpretando reconvexo.

De pouco a pouco fui voltando a minha vida social, ainda pensava muito nele, todas as noites ouvia nossa música antes do prozac. Dormia abraçado com sua cueca e acordava diversas vezes achando que tinha ouvido sua voz. Os encontros com o Paulo foram aumentando e variando de local... Fomos na festa da nova casa do Edu, conhecemos a tenda da tal mulher asterisco (e ela me deu um biscoito da sorte), entramos na toca do lobo. A falta que me consumia foi passando, até que surgiu uma nova personalidade na cidade... Linda, com seus seios fartos e um ar superior que me causava algo que não conseguia identificar. A Vaca Jersey era adorável, eu amava o timbre da sua voz, o jeito de falar, sua risada no ponto. Nos aproximamos rápido e comecei a sentir algo no peito novamente, algo que não acreditava mais que poderia sentir... Havia alguma coisa nela que não sei dizer. Cheguei a pensar que era ele, mas como poderia??? Pensei ser mais um de meus devaneios, mas novamente o Paulo me auxiliou e disse tb ter sentido uma vibração, como se fosse algo de outras vidas. Numa noite a vaca veio me visitar, depois de algumas doses de vodka (com desobesi), comecei a ter mais uma crise, mostrei fotos dele, chorei, me desesperei... Fiquei assim, como ele gostava... Foi então que a vaca me segurou com força e me jogou na cama. No amamos intensamente naquela noite e foi quando senti o seu cheiro de búfalo e fitei seus olhos no momento do gozo não senti dúvida e disparei:

Você voltou.

Não havia o que ser perguntado, queria apenas as explicações... A confissão foi imediata, junto com lágrimas, gritos, quebra-quebra e muito mais sexo. Xingava, gemia, gritava, chorava e ria ao mesmo tempo... Explicou a fuga, disse o quão não suportava mais, o quanto não suportou a distancia de mim que levou a loucura da cirurgia para que pudesse voltar sem ser ele, que foi inútil na tentativa de me enganar. Eu não acreditava que aquilo estava acontecendo, meu homem, ainda que com tetas, voltou para minha cama. Fazíamos sexo dia e noite, mas o meu medo.. O pânico de um novo desaparecimento repentino, fez gerar em mim todo comportamento disfuncional novamente...

Mais gritos, objetos quebrados, hematomas, cicatrizes... Estava doente.. Todos me diziam que estava doente... Eu não conseguia largar nenhuma das minhas drogas, nem a bebida, nem o prozac, menos ainda ele. Comecei a tentar investir meus sentimentos em outras frentes, descentralizar minha atenção. Até que um dia, num grito eu vi o que precisava... Aquela imagem.. A visão que eu precisava ter. Aquela sunga branca... Foi a sunga branca naquele 1,90 e 89kgs.. Nas pernas mais bem torneadas que nunca havia antes visto. Após aquela imagem cheguei a casa, olhei pra ele nua em cima da cama e disse:

Não precisa se preocupar, hoje eu não vou gritar, estou indo.

Dei três passos até a porta, cogitei olhar pra trás... Desisti e segui em frente. Rumo a uma nova visão.

11.5.10

And the porn award goes to...

Estava eu no recôncavo do meu lar, assistindo minha pornografia diária (Na verdade nem estava vendo, um amigo me mandou o link do vídeo que será citado em função da “tosquidão” dele, mas como todos vão dizer que é mentira minha e que na verdade eu tava mesmo era assistindo, assumo a culpa que não tenho.)... Continuando.. Estava eu assistindo minha pornografia diária quando me deparo com esse clássico da dramaturgia erótica. É bem verdade que, em linhas gerais, os filmes eróticos se quer se propõe a ter alguma qualidade no que tange o convencimento de qualquer coisa que não seja o próprio sexo em si. É natural que desvie toda sua energia para a qualidade daquilo que as pessoas de fato querem ver quando resolvem acessa-lo. Definitivamente, Marcia Imperator, não precisa mentalizar Meryl Streep em “A Escolha de Sophia” para a sua atuação, mas pelo amor de D, minha gente!!!! O sujeito tem que tentar pelo menos, não parecer que tem um comprometimento neurológico, do contrario acaba atingindo a um grupo fetichista muito pequeno (humor negro mode on).


Enfim.. Com algum sacrifício consegui captar a cena inicial do filme que você pode conferir aqui:


video


Convenhamos... Um texto dessa magnitude misturado com essa cachorrada no fundo a pessoa até se embola, mesmo... Vamos dar um desconto.



Quer ver o final dessa historia??? Clica aqui


9.5.10

Teoria do Feio / Dia das mães

Ontem a noite, rodando pelo you tube encontrei um vídeo que já conhecia, mas não me lembrava. Um trecho do programa “Saia Justa”, quando falam sobre homens feios. Adoro a maneira que o cara do vídeo se coloca e principalmente das ideias que vão bem de encontro com o que eu acredito. Confiram:








Hoje, dia das mães, e a minha mãe tá lá.. Nos Alpes... Daqui a pouco vou ligar pra falar com ela e pra ela falar com a minha avó.

Já fazem mais ou menos dez anos que vivo com a minha avó, por tanto não ter a minha mãe no meu convívio diário não é nenhuma novidade, mas nada que se compare a essa distancia e a quantidade de tempo, que em função disso, ficamos sem nos falar. Bate uma saudadezinha gostosa... Quando ela me disse da intenção de casar e mudar pra lá, repeti pra ela a mesma coisa que ela me falou quando me assumi:

Nós temos de ser um pelo outro, por que no fundo só temos um ao outro e é provável que seja sempre assim.


O que ela faz eu assino em baixo, quero apenas que ela seja feliz, a minha onda eu seguro por aqui.

Então, aproveitando esse clima família de dia das mães e a minha carência materna, dividirei com vocês duas pérolas... Uma é a tatto que fiz em homenagem a minha mãe na minha panturrilha.




E a outra o meu irmão cantando a música da mãezinha...




O muleke é uma peste, mas não é fofo tb?? E olha que a mãe dele é uma megera que trata ele como uma inspetora colégio interno suíço.

Feliz dia das mães pra alguma mãe que ocasionalmente me leia (só me vem Mulher Asterisco a cabeça) e obrigado a vocês por sempre estar de uma forma ou outra me ajudando a tapar buracos.

PS. A postagem em baixo dessa é memê, indiquei seis blogueiros, passe um olho pra ver se você não é um dos indicados.

8.5.10

Seis coisas que vocês não sabem sobre mim.

Então eu fui um dos indicados do todo bom Paulo Bracchini para o Memê: Seis coisas que vocês não sabem sobre mim.


Um memê sem selo, sem foto, que n diz de onde veio, mas diz a que veio...


Basicamente eu devo dizer, como o nome sugere, seis coisas sobre minha persona que vocês não saibam. E indicar seis blogueiros para fazer o mesmo... Ok, então... Que comecem os trabalhos.



1 - Estudei em colegio Salesiano e durante um tempo da vida cogitei a possibilidade de ser padre.




2- Eu tenho uma coisa meio ogro comigo, gosto de sentar no chão, andar descalço, beber no gargalo, comer na panela (raspando o fundo), comer de colher.





3 – Um dos blogs que fiz antes do Yag foi esse aqui: http://indiogoytaca.blogspot.com . Era sobre a situação política da minha cidade, não teve divulgação alguma, mal falei pros amigos, mas curti bastante.





4 – Não bebo, não fumo e não uso nenhuma espécie de droga ilícita. Nada contra, só não gosto da glamourização das drogas, menos ainda do nazismo da contravenção, . Cada um sabe de si!!!





5 – Fiz teatro por quatro anos na adolescência e sinto ter alma de artista, amo arte.






6 – Tenho vontade fazer faculdade de cinema







Os seis indicados:

Lobo Cinzento
Vaca Jersey
Caju
WW
Wans
Arsênico

Sintam-se a vontade para participar ou não.. Por favor!!!!

5.5.10

Um comentario intrigante!!!

O post foi o do dia do concurso...

O comentário foi da vaca Jersey...


Comentando sobre o menino que fotografei dormindo no metrô a intrépida bovina brinca ao criticar o dorminhoco, o fotografo e por fim a cueca vermelha.


Ele pergunta: Quem em pleno 2000’s ainda usa cueca vermelha?


Gente.. Eu uso!!!


E pergunto: Cueca vermelha é fora de moda????


Eu nem sabia dessas tendências de cores pra cueca... E o Fred usa cuecas de que cores??? Ainda hey de perguntar isso pra ele... Se Deus quiser!!!


Enquanto o fato não ocorre deixo aqui umas fotos de rapazes com cueca vermelha... Devo dizer que qdo ela for tendência estarei super-estilo e quando não for serei démodé.










3.5.10

Nas Garras do Gato: Mulher Asterisco


A minha 9ª entrevista trás consigo uma novidade que muito me agrada... É a primeira vez que entra nas garras do gato uma entrevistadA e começamos com chave de ouro. Numa entrevista que por muito pouco não se tornou a maior até hj publicada (perdendo apenas para a do Paulo Braccini), Mulher Asterisco fala sobre sua relação com a blogsfera, o meio gay, Hellomotta e principalmente sua relação consigo mesma, seu universo e a maneira que vê todas as coisas.

Conheçam um pouco mais da Mulher Asterisco e se apaixone ainda mais por ela assim como eu tive oportunidade de me apaixonar.

Blog convidado: http://nemfroid.blogspot.com

O dia do concurso


Acordei... Dei uma olhadinha na matéria, umas coisas que estavam meio na dúvida... Almoçamos cedo (eu, minhas duas amigas que estudamos juntos e a amiga que estava nos recebendo), saímos para fazer a prova...


Pegamos o metrô... Qdo entramos tinha dois lugares vagos, um na puta que pariu, outro na casa do caralho... Uma amiga sentou na casa do caralho e a outra na puta que pariu, fiquei com a da puta que pariu, por que ao lado dela estava o filho da puta que pariu, deitado ocupando 4 lugares no banco e dormindo.. Ok, ele era gatinho e eu fotografei... Valeu a pena ficar de pé...



Atenção para braguilha aberta e a cuequinha vermelha...



Com esse super estimulo chegamos à carioca (estação de metrô) por volta da 13:20 e precisávamos chegar no local da prova até as 14:00... Rumamos para Praça XV (endereço que nos foi indicado), não havia se quer movimento de gente... Encontramos outra perdida, mas que já tinha descoberto que todos nós estávamos no sentido errado, na verdade era nos arredores da Praça XV, não exatamente na praça... La verdad eram uns três quarteirões de lá. E fomos com as nossas milhões de mala, em baixo do sol no sentido certo... Compramos água, biscoitos, balas... Vamos a prova...


A prova tinha 24 páginas... Vcs entenderam o que eu disse???? 24 páginas!!!! Eu que normalmente fico aguardando para sair com a prova, sai com 20 minutos para acabar o tempo e ainda deixei metade da sala... Foi horrorosa e eu naturalmente me senti um cu... Fui ao banheiro duas vezes, na cabine tinha um recado ótimo, não deu pra fotografar... Merda...


Sai de lá, encontrei com minhas amigas com cara de agentenuncavaipassaremnadanessavida, e fomos rumo à rodoviária com cara de peido embalsamado e um cansaço mental que parecia que tinha tomado uma coça com vara de goiaba. Após uma prova maldita todo conteúdo intelectual havia ido pro ralo e eu tava cantando axé na novo Rio, minha amiga falou que eu tava parecendo meus assistidos da APAE.. Nem ligo, adoro eles mesmo!!!!

Conferi a prova com uma das meninas, as questões bateram mais do que eu poderia imaginar... Fiquei animadinho, se no último concurso com 70% da prova as meninas ficaram em 9º lugar, nesse eu acreditava piamente que qq 60 resolvia... Sem contar a questão discursiva que vc deveria tirar pelo menos 4 pra ser classificado e acho que eu até consegui e muita gente deve ter ficado na pista...


Hoje saiu o gabarito... tse tse tse.. Vamos ver se alguém vai entrar com recurso, ai falo sobre isso... Mas uma coisa é fato... Foram dois concursos até agora e serão mais, um atrás do outro... Ultimamente eu mais estudo que saio, trabalho ou me relaciono com as pessoas... Então vcs qdo comentarem do yag podem falar: “Tem o blog de um concurseiro que eu acompanho que...”


É... Virei concurseiro... E vou até o fim!!!